Existe um quase heterônimo do Fernando Pessoa que só era acessado quando ele estava quase caindo de tanto sono. Curti muito esse lance de acessar certas formas de pensamentos e representação dependendo do estado em que estamos. Claro, que eu não produzonada tão genial quanto o Fernando, mas que a representação fica alterado, fica. É pretensão a minha me comparar a ele, mas me lembrei dessa passagem quando fiz esse desenho meio decepcinado. Domingo a noite, às vezes nos traz isso, não é Jú..? Senti que ele ficou mais expressivo do que uns outros tantos aí, por isso quis posta-lo. ...É isso..!!

13 comentários:

*Juh Butterfly* disse...

Melhor ñ falar nada agora...

bruckecaribe disse...

Oi Alex!!!
Cara vc é um POETA!!!!!!!
PARABÈNS!!!!!!
Do amigo de sempre!

*Juh Butterfly* disse...

E na leveza dos traços da vida os heróis viram fãs. Entende?

Anônimo disse...

Penso que você deveria falar menos de suas obras, deixalas sem etiquetinhas, o que você estava pensando ou pensa delas polui o nosso olhar.
Sugestão: Se quer comentalas porque não o faz aqui também? Deixandoas sem interferências lá?
Quanto ao desenho: Sim é legal...
Mas espero mais de você.

Seu velho amigo que vive na própria sombra e mora em cima de uma parede

Alex Cói disse...

A minha intenção, diferente do que você acha, não é dar margem e/ou espaço pra você delirar nas minhas "obras", mas sim postar desenhos e pensamentos pra amigos e pessoas que tenham interesses no que tenho feito. Obras..?..Que obras..! Por favor..!..Seria pretensão demais achar que produzo obras.
Quanto aos desenhos...minha mão esquerda riu quando soube da crítica e disse que ela ainda tem todo o tempo do mundo e a despreocupação de mostrar aqui o que realmente ela sabe fazer.

É isso!

Anônimo disse...

Desculpe amigo mas não estou querendo brigar... Apenas penso(e nunca "acho") que tanto texto embaixo de seus desenhos acabam chamando muita atenção, se você faz algum desenho capaz de causar alguma inquietação(o da comoda, por exemplo) nosso olhar tende a tentar solucionar o que incomoda e em vez de faze-lo no desenho acaba correndo para o texto e perde mais tempo nele que no desenho em si.
Penso que a arte se faz nos olhos do observador, o que você acha não é importante! A partir do momento que você exteriorizou suas idéias elas já não são mais suas, são de quem as vê! Se esta desenhado po que escrever? Se esta escrito poe que desenhar? Acho que você esta rindo da própria piada, isso tira a graça da coisa...
Tenho interesse no que você faz, há muitos vicios mas muita coisa me agrada!
Criou este espaço para os amigos falarem? O que espera deles?
"Os amigos se dizem sinseros, os inimigos o são." (Schopenhauer).
"Quem elogia fácil quer elogios de volta" (Nietzsche).

Um abraço!

Alex Cói disse...

Gostei demais disso...me pôs realmente pra pensar...Pensando bem, eu fiz isso mais pra mim do que pra qualquer um. Meio que alto afirmação, entende..?...Estou trabalhando nisso ainda...é um lance complicado...Mas vou seguindo assim...rabiscando e postando. E reduzindo ao mínimo possível o que segue escrito. Valeu pela força dos argumentos..!

cariello disse...

gosto dos rabiscos, gosto das obras que não se pretendem obras, gosto dos textos que não pretendem explicar os rabiscos (apenas acompanhá-los), gosto bastante.
e gosto, todo mundo tem.
pense, goste ou desgoste, mas, antes de tudo, desenhe, rabisque e poste aqui.
quem gosta agradece.

Bellajubellaisabella disse...

Quanta declamação, meninos!
Tá, já vimos que todos vcs sabem argumentar. Interessante,no mínimo.
Concordo em partes com a idéia dos amigos/inimigos e dos elogios. Ainda assim, quem deixa se levar muito por textos não percebe a noção de "acompanhamento" deles, como disse o Cariello aí em cima. Normal, cada um se prende ao que mais se identifica. Os analfabetos visuais precisam de palavras às vezes, caso contrário serão guiados - dessa vez por outros comentários, que serão construídos a partir de palavras alheias (cuidado, esse analfabeto pode incluir você também. Rir de sua própria piada realmente ñ faz sentido, mas às vezes vc pode acabar rindo de uma piada que nem existe, e cortar as asas da sua espontaneidade por causa dos comentários alheios...pense bem).
O que é melhor? Por Deus, desbunde!
É o primeiro blog!
No fim das contas, todo mundo tem algo a dizer...acho q isso é o q mais conta.
Leleco...com ou sem comentários, a polêmica vai existir. Por isso, ñ se prenda. Se der vontade de escrever um livro, prq ñ? Muitas vezes a vontade de vomitar palavras vem da frustração de não ter conseguido expressar no desenho o que vc realmente gostaria. Esse "problema" é seu, ñ nosso.
Estamos aqui para comentar...ou ficar sem vontade de.
Desencana, mermão!
Abstrair é uma pancada! (lembra?)
Chuacs!

Anônimo disse...

Os analfabeto visuais Também não precisam de texto! Até por que seus textos não encinam a ver...

Qualquér um é capaz de ter uma experiência estética, é uma questão apenas de sensibilidade...

O não entender e se perguntar é maravilhoso!

"Poesia não se explica"
(Mário Quintana)

E eu não me deixo levar por textos, tanto que faço minha própria leitura para os trabalhos! Eles apenas me chateiam pois não gosto de encontrar portas abertas...

O cara da sombra.

Bellajubellaisabella disse...

Tomemos cuidado com as verdades absolutas, meus irmãos!
Lembranças a todos!

Anônimo disse...

Os desenhos estao espontaneos e belos, que è oque penso que o Alex esperava deles, qnt a isso fique tranquilo amigo, demonstra exatamente o quao suave vc è! Esse cara aì tem certa razao no que diz, mas tem muito erro de ortografia portanto nao è o Regis.E tmb estamos dando muita atençao e importancia pre ele, tampouco è tanta coisa! (nadja)

Anônimo disse...

Eu realmente não sou o Régis! Porra! De onde tiraram isso!!!
E a Nadja esta certa! Não queria esta atenção toda! Foram só comentários e sugestões!