Durante muito tempo eu fiz parte de uma comitiva de guerreiros. Uns guerreiros um tanto valentes, que participavam de campeonatos aqui e acolá...E eu, com a minha humilde companhia e umas idéias desencontradas acompanhava esse grupo de valentes que me inspiravam e me faziam imaginar um monte de histórias. Por vezes eu misturei realidade com fantasia. Essas mentes novas são umas loucuras..!
Num desses campeonatos eu fiz parte dessa comitiva armado de um tambor para dar ritmo à batalha. E eu executei!!! Imaginem um ginásio e a gente na arquibancada, com umas gargantas potentes e um tambor desse aí . E vontade...muita vontade e força pra fazer o som dele ecoar pelo ginásio todo. Ficou pra história. Dos guerreiros.

Saudades.

8 comentários:

Anônimo disse...

O machado sentiu mas sede aquele dia e foi conduzido e iluminado pelo menestrel do grande tambor.
(Hank)

Anônimo disse...

Eu nao sei dizer nada por dizer, entao eu escuto... Fala lala laa, Falaaa ( Secos e molhados)

Bellajubellaisabella disse...

Batuque...ñ fale nada.
Eu amo, em qq ritmo.

patricia caramelo disse...

Esse desenho dah vontade de escutar batuques cada vez mais altos....

Anônimo disse...

Sem graça...
Próximo!



(O chato)

Bellajubellaisabella disse...

EU QUERO MAIS!

PoetiCry disse...

Arte misturada com uma 'pancada' nesse tambor. O resultado do som deve agradar.

daniel vortex disse...

muito bom seu blog seus desenhos são fodas demais...
achei sua arte bem sincera e ''simples''muito boa de apreciar
continua nessa q tu vai longe

até mais cara abrá!